Rodrigo Lacerda: Próxima etapa, 21K ou 42K?

Posted by: camila | Posted on: março 23rd, 2017 | 0 Comments

Próxima etapa, 21K ou 42K?

shutterstock_358877561Você já esta treinando há alguns meses e já participou de várias provas de 5K e 10K. Chegou a hora de procurar um novo desafio, a meia maratona ou a maratona. Como ganhar resistência para encarar estes desafios?
Costumo dizer que existe um funil de corredores onde a grande maioria corre provas de 5K, mas provas de 10K já exigem uma preparação um pouco mais específica. Uma Meia Maratona requer disciplina e uma maratona é um dos maiores desafios, disciplina e comprometimento são fundamentais.


Todas as distâncias, 5K, 10K, 21K ou 42K, devem ser respeitadas assim como a etapa deve ser cumprida. Sendo assim, minha recomendação básica para o corredor é que ele passe por todo o processo de treinamento para então, se inscrever para seus primeiros 5K. Quando estiver pronto, faça pelo menos 3 provas de 5K antes de partir para a de 10K e assim, sucessivamente.

Quando falamos de Meia Maratona, estamos falando de aproximadamente duas horas de exercício físicos ininterruptos, e no caso de uma Maratona, em média quatro horas. Para conquistar distâncias tão desafiadoras é extremamente importante frequência nos treinos e aumento gradativo do volume. Em diversos momentos é necessária a diminuição do ritmo de corrida para completar um volume maior. É importante também estabilizar o volume do treino em alguns momentos do planejamento para que o corpo se adapte e depois, novamente, comece a aumentar o volume gradativamente, isso minimiza o risco de lesões.

Um erro muito comum é o aumento de volume de forma inadequada, alguns treinadores trabalham com 10% do volume semanal, outros 20% e já vi alguns com aumento de 30%. Quanto maior o aumento do volume, maior o risco de lesões, pois o corpo pode não suportar a carga de treinamento.
Sempre índico aos meus atletas reforço muscular, seja ele feito na musculação ou no Treinamento Funcional, porém, para corredores que pretendem correr uma meia maratona é extremamente importante e para os que irão treinar para uma Maratona, compulsórios.

Controle alimentar nestas etapas também passa a ser compulsório, um bom acompanhamento nutricional além de dar energia para você conseguir realizar bem os longos volumes de treinos ajudam na recomposição do organismo, diminuindo o catabolismo muscular.

Isso tudo acompanhado, é claro de uma boa prescrição de treinamento, individualizada e feita por um profissional competente na área.
Bons treinos!

foto-rodrigoRodrigo Lacerda

Gestor estratégico, diretor da Endorfina Assessoria esportiva e, claro, endorfinado de carteirinha.

Leave a Comment